Museu Marítimo de Ílhavo
HOMENS E NAVIOS DO BACALHAU

Arquivo digital que documenta as campanhas bacalhoeiras desde o início do século XX

TÁ MAR - Workshop de teatro

21 de Setembro de 2012 a 22 de Setembro de 2012
Ta mar 1 772 9999
No âmbito das comemorações dos seus 75 anos, o Museu Marítimo de Ílhavo convidou o encenador Graeme Pulleyn a desenvolver um projeto teatral a partir do texto clássico de Alfredo Cortez. Neste projeto, o encenador propõe-se trabalhar com atores, músicos e toda a comunidade do Concelho de Ílhavo numa interpretação contemporânea de “Tá Mar”.
 
No âmbito das comemorações dos seus 75 anos, o Museu Marítimo de Ílhavo convidou o encenador Graeme Pulleyn a desenvolver um projeto teatral a partir do texto clássico de Alfredo Cortez. Neste projeto, o encenador propõe-se trabalhar com atores, músicos e toda a comunidade do Concelho de Ílhavo numa interpretação contemporânea de “Tá Mar”.
Este projeto inicia-se com a realização de um workshop de teatro que servirá de base à criação de um espetáculo de teatro. Ao longo do workshop os participantes são convidados a desenvolverem um trabalho rigoroso e desafiante com recurso a jogos teatrais, improvisações, entrevistas, escrita criativa, exploração e encenação. É durante o workshop que ficamos a saber quem vai fazer o quê no espetáculo e descobrimos a forma e o conteúdo do “Tá Mar 2012”.
 
Destinatários
Aberto a todos, com ou sem experiência em fazer teatro, dos 9 aos 99 anos. Como na vida real, como numa verdadeira comunidade, aqui há lugar para todos os que queiram participar e contribuir para que este seja um momento teatral memorável.
 
Local e Horários
O workshop realiza-se no Centro Cultural de Ílhavo nos dias 22 e 23 de setembro de 2012, das 9:30 às 12:30 e das 14:00 às 17:00.
 
Inscrições e informações
- Museu Marítimo de Ílhavo | 234 329 990 | museuilhavo@cm-ilhavo.pt
- Centro Cultural de Ílhavo | 234 397 260 | centrocultural.se@cm-ilhavo.pt
 
Graeme Pulleyn
Nasceu em Doncaster, no norte da Inglaterra em 1967. Licenciou-se em Estudos Teatrais pela Universidade de Warwick. Foi cofundador e diretor artístico do Teatro Regional da Serra de Montemuro entre 1990 e 2005.
Como ator e encenador com essa companhia integrou espetáculos memoráveis como Lobo-Wolf, As Bodas de Cândida, Alminhas, A Eira dos Cães, Sucata Sisters e Hotel Tomilho.
Desde 2005 trabalha como encenador, ator e professor em Viseu.
Projetos artísticos recentes incluem O Teatro Mais Pequeno do Mundo, com 17 artistas de Viseu, O Adolescente Míope, com Romulus Neagu e Luís Pedro Madeira e Dimas com Carlos Bica e Suzana Branco.