Museu Marítimo de Ílhavo
HOMENS E NAVIOS DO BACALHAU

Arquivo digital que documenta as campanhas bacalhoeiras desde o início do século XX

Mãos de Sal - teatro de marionetas

11 de Janeiro de 2014
Sal img 1 772 9999

Espetáculo inserido nas comemorações do Primeiro Aniversário do Aquário dos Bacalhaus do Museu Marítimo de Ílhavo.

 

Sinopse

Tudo cresceu a partir do mar , das areias da praia, onde desde muito cedo os “Mãos de Sal” entregaram a sua vida às mãos do mar .
Simão deseja ser pescador mas nunca mergulhou nas águas do mar e Sebastião foi em tempos pescador mas já não vai ao mar . Simão e Sebastião partilham histórias, aventuras e sonhos que os levarão a descobrir o mar profundo.
Dando continuidade ao projecto de resgatar elementos da nossa identidade cultural, esta criação desenvolve uma dramaturgia inspirada e assente na nossa história, lendas e tradições.

Este é o ponto de partida para o projecto, recuperar para a cena uma identidade esquecida, reinventá-la e trazer a memória de um passado ainda recente, das gentes que viviam e vivem do, e para o mar.

 

Ficha Técnica

direção artística e dramaturgia| Clara Ribeiro
interpretação| Clara Ribeiro e Filipa Mesquita
direção plástica| enVide neFelibata
músicos| Gilberto Bernardes e Hugo Marinheiro
desenho de luz| José Carlos Machado
apoio à criação da cenografia| Letícia dos Santos
apoio à criação das marionetas| Marta Pereira
apoio à criação dos figurinos| Hugo Bonjour
construção| Clara Ribeiro, enVide neFelibata, Filipa Mesquita, Hugo Bonjour , Letícia dos Santos e Marta Pereira
colaboração| Academia de Música de Espinho, Escola Artística Soares dos Reis com o apoio dos docentes: Carla Barros, Mécia Soares, Nuno Lucena e Rui Panêlo, F .A.C.E. – Fórum de Arte e Cultura de Espinho, Museu Municipal de Espinho
texto do “Pirata”| João Pedro Mésseder
agradecimentos| Fernando Graça, Firmino Gomes, José Amorim Sousa (Escola Artística de Soares dos Reis), Lurdes Amaral, Marcelo Reis (Escola Artística de Soares dos Reis), Pedro Waciel, Ti Idália “Leitona” e Ti Armando “Barraca”
produção| Teatro e Marionetas de Mandrágora
design| yzonk.com